Home Blog O que vem depois das manifestações?

O que vem depois das manifestações?

4 min read
7
0
7

Hoje o post será diferente dos que aparecem diariamente aqui. Não tem como não parar e pensar nas manifestações que estão acontecendo por todo país e fora também. É de arrepiar e emocionar ver o povo caminhando nas ruas lutando por uma melhor qualidade de vida, redução nas tarifas, melhoria do transporte público, educação, saúde, dentre muitas outras reivindicações, a lista é grande, pois tem muita coisa errada. O povo lutando pelo direito do povo, querendo viver com o mínimo de dignidade.

Acho que vocês assim como eu, ao ver a grande multidão pacífica nas ruas sentiu no ar a esperança, percebeu que não está só, que o descontentamento não é só seu, que agora a sua voz se transformou em um coro e está fazendo barulho, mostrando para aqueles que nós escolhemos para nos representar que eles realmente precisam nos representar.

Uma batalha está em processo de negociação e em algumas cidades foi ganha, a redução das tarifas dos transportes. É um absurdo, aqui em Campinas a passagem era R$ 3,30 e agora foi para R$ 3,00, sendo que a manifestação aqui foi marcada para hoje (20/06).

Mas, e agora o que vai acontecer? É só isso, ir às ruas?

É preciso se organizar e continuar cobrando, temos muito por fazer, essa luta é diária!

Também é hora de reflexão!

Vamos fazer valer nossas armas mais potentes, a voz e voto consciente.

O nosso grande problema se chama CORRUPÇÃO, se todo o dinheiro que é desviado chegasse ao seu verdadeiro destino muita coisa seria diferente, se aqueles que elegemos e confiamos o poder, não o usasse em benefício próprio muita coisa seria diferente…

Não aceite vou dar um jeitinho, exija transparência

Não seja manipulado, tenha consciência

Se olhar o errado, denuncie

Exitem direitos e deveres, cobre, mas também faça a sua parte.

É um orgulho ver muitos na rua exercendo seu papel de cidadão, mas é triste saber que alguns estão apenas  indo na onda e o pior são os marginais que se aproveitam para fazer arruaça e desvirtuar esse movimento pacífico e legítimo.

‘Se você pode sonhar, você pode fazer.’

#Esperança #Orgulho #Soubrasileira #SemVandalismo #SemViolência

Cih

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Blog
  • JaquelineRibeiro

    Tem que continuar as manifestações, claro, porque nunca foi só por 0,20 centavos! E acho que não vamos parar tão cedo, porque os governantes podem atender a algumas reivindicações, mas estamos lutando por MUITOS direitos que só serão atendidos com uma mudança extremamente drástica na politica brasileira. Vai ser dificil, mas não é impossível. A voz do povo é a voz de Deus, porque todo o dinheiro que eles roubam, deitam e rolam encima vem de nós, do povo. Mas acho que devemos ir um passo de cada vez. Primeiro foi a gota d'água, os 0,20 centavos (aliás, na minha cidade que é do interior, a passagem de ônibus tem o mesmo valor que a passagem em BH!), agora acho que precisamos focar nesse absurdo que é o PEC 37! https://www.facebook.com/photo.php?fbid=594338110

  • JaquelineRibeiro

    Tem que continuar as manifestações, claro, porque nunca foi só por 0,20 centavos! E acho que não vamos parar tão cedo, porque os governantes podem atender a algumas reivindicações, mas estamos lutando por MUITOS direitos que só serão atendidos com uma mudança extremamente drástica na politica brasileira. Vai ser dificil, mas não é impossível. A voz do povo é a voz de Deus, porque todo o dinheiro que eles roubam, deitam e rolam encima vem de nós, do povo. Mas acho que devemos ir um passo de cada vez. Primeiro foi a gota d'água, os 0,20 centavos (aliás, na minha cidade que é do interior, a passagem de ônibus tem o mesmo valor que a passagem em BH!), agora acho que precisamos focar nesse absurdo que é o PEC 37! https://www.facebook.com/photo.php?fbid=594338110

  • JaquelineRibeiro

    Tem que continuar as manifestações, claro, porque nunca foi só por 0,20 centavos! E acho que não vamos parar tão cedo, porque os governantes podem atender a algumas reivindicações, mas estamos lutando por MUITOS direitos que só serão atendidos com uma mudança extremamente drástica na politica brasileira. Vai ser dificil, mas não é impossível. A voz do povo é a voz de Deus, porque todo o dinheiro que eles roubam, deitam e rolam encima vem de nós, do povo. Mas acho que devemos ir um passo de cada vez. Primeiro foi a gota d'água, os 0,20 centavos (aliás, na minha cidade que é do interior, a passagem de ônibus tem o mesmo valor que a passagem em BH!), agora acho que precisamos focar nesse absurdo que é o PEC 37! https://www.facebook.com/photo.php?fbid=594338110

  • Vou expor minha opinião a respeito das manifestações que ocorreram no país esse ano. Achei ótimo o Brasil ter "acordado". Um número surpreendente de pessoas foram nas ruas lutar pelo o que é nosso por direito. No entanto, como em qualquer lugar, há as frutas podres que acabam prejudicando todo o resto da fruteira. Houve sim, vandalismo por parte de manifestantes e tal ato tornou tudo toda a filosofia de mudança contraditória, uma vez que eles depredaram o que pagamos com os impostos e também aquilo que estávamos lutando naquele momento: o transporte público. Concordo quando dizem que foi a minoria e eu não dei minha cara a tapa nas ruas exatamente por essa minoria. Minha família não achou certo que eu saísse de casa e arriscar me machucar por causa de poucas pessoas que estavam depredando patrimônio publico e praticando violência, me refiro aos manifestantes e também (principalmente) aos policiais.
    Outra coisa a respeito das manifestações que me deixou um tanto irritada, foram os falsos moralistas que surgiram na internet, porque há muito disso. Reclamavam do aumento da condução, mas enquanto milhões de pessoas saíram de sua zona de conforto para protestar por algo que é do interesse de pelo menos 95% da população, continuaram sentados em frente a televisão assistindo novela e twittando falando mal do governo. Como disse anteriormente, eu não fui nas manifestações, mas também não fiquei bancando falsos moralistas em redes sociais, demonstrando uma falsa indignação. O Brasil tem tudo e mais um pouco pra ser um país modelo, quando digo isso, estou me referindo a tudo, cultura, economia, saúde e educação.

    • Ingrid eu até fui aqui na minha cidade, mas quando as pessoas começaram a chegar, já diziam que ia ter quebra-quebra, eu vim pra casa e como moro perto, fiquei com o coração na mão, por ouvir tantas bombas e correria. As manifestações continuam, em uma proporção menor e o vandalismo e violência sempre presentes, hoje mesmo aconteceu aqui. O pior é que até agora não vi mudanças, parece que estão só esperando vencer no cansaço e continuar tudo do mesmo jeito. Concordo que temos tudo para melhorar, mas cada um precisa fazer a sua parte!

  • Vou expor minha opinião a respeito das manifestações que ocorreram no país esse ano. Achei ótimo o Brasil ter "acordado". Um número surpreendente de pessoas foram nas ruas lutar pelo o que é nosso por direito. No entanto, como em qualquer lugar, há as frutas podres que acabam prejudicando todo o resto da fruteira. Houve sim, vandalismo por parte de manifestantes e tal ato tornou tudo toda a filosofia de mudança contraditória, uma vez que eles depredaram o que pagamos com os impostos e também aquilo que estávamos lutando naquele momento: o transporte público. Concordo quando dizem que foi a minoria e eu não dei minha cara a tapa nas ruas exatamente por essa minoria. Minha família não achou certo que eu saísse de casa e arriscar me machucar por causa de poucas pessoas que estavam depredando patrimônio publico e praticando violência, me refiro aos manifestantes e também (principalmente) aos policiais.
    Outra coisa a respeito das manifestações que me deixou um tanto irritada, foram os falsos moralistas que surgiram na internet, porque há muito disso. Reclamavam do aumento da condução, mas enquanto milhões de pessoas saíram de sua zona de conforto para protestar por algo que é do interesse de pelo menos 95% da população, continuaram sentados em frente a televisão assistindo novela e twittando falando mal do governo. Como disse anteriormente, eu não fui nas manifestações, mas também não fiquei bancando falsos moralistas em redes sociais, demonstrando uma falsa indignação. O Brasil tem tudo e mais um pouco pra ser um país modelo, quando digo isso, estou me referindo a tudo, cultura, economia, saúde e educação.

    • Ingrid eu até fui aqui na minha cidade, mas quando as pessoas começaram a chegar, já diziam que ia ter quebra-quebra, eu vim pra casa e como moro perto, fiquei com o coração na mão, por ouvir tantas bombas e correria. As manifestações continuam, em uma proporção menor e o vandalismo e violência sempre presentes, hoje mesmo aconteceu aqui. O pior é que até agora não vi mudanças, parece que estão só esperando vencer no cansaço e continuar tudo do mesmo jeito. Concordo que temos tudo para melhorar, mas cada um precisa fazer a sua parte!

  • Vou expor minha opinião a respeito das manifestações que ocorreram no país esse ano. Achei ótimo o Brasil ter "acordado". Um número surpreendente de pessoas foram nas ruas lutar pelo o que é nosso por direito. No entanto, como em qualquer lugar, há as frutas podres que acabam prejudicando todo o resto da fruteira. Houve sim, vandalismo por parte de manifestantes e tal ato tornou tudo toda a filosofia de mudança contraditória, uma vez que eles depredaram o que pagamos com os impostos e também aquilo que estávamos lutando naquele momento: o transporte público. Concordo quando dizem que foi a minoria e eu não dei minha cara a tapa nas ruas exatamente por essa minoria. Minha família não achou certo que eu saísse de casa e arriscar me machucar por causa de poucas pessoas que estavam depredando patrimônio publico e praticando violência, me refiro aos manifestantes e também (principalmente) aos policiais.
    Outra coisa a respeito das manifestações que me deixou um tanto irritada, foram os falsos moralistas que surgiram na internet, porque há muito disso. Reclamavam do aumento da condução, mas enquanto milhões de pessoas saíram de sua zona de conforto para protestar por algo que é do interesse de pelo menos 95% da população, continuaram sentados em frente a televisão assistindo novela e twittando falando mal do governo. Como disse anteriormente, eu não fui nas manifestações, mas também não fiquei bancando falsos moralistas em redes sociais, demonstrando uma falsa indignação. O Brasil tem tudo e mais um pouco pra ser um país modelo, quando digo isso, estou me referindo a tudo, cultura, economia, saúde e educação.

    • Ingrid eu até fui aqui na minha cidade, mas quando as pessoas começaram a chegar, já diziam que ia ter quebra-quebra, eu vim pra casa e como moro perto, fiquei com o coração na mão, por ouvir tantas bombas e correria. As manifestações continuam, em uma proporção menor e o vandalismo e violência sempre presentes, hoje mesmo aconteceu aqui. O pior é que até agora não vi mudanças, parece que estão só esperando vencer no cansaço e continuar tudo do mesmo jeito. Concordo que temos tudo para melhorar, mas cada um precisa fazer a sua parte!

  • Isabel Pinheiro

    Eu fui na minha cidade também. Mas com o intuito de exigir os nossos direitos como cidadão. E não em quebrar o patrimônio e vandalismo em geral!!

  • Isabel Pinheiro

    Eu fui na minha cidade também. Mas com o intuito de exigir os nossos direitos como cidadão. E não em quebrar o patrimônio e vandalismo em geral!!

  • Isabel Pinheiro

    Eu fui na minha cidade também. Mas com o intuito de exigir os nossos direitos como cidadão. E não em quebrar o patrimônio e vandalismo em geral!!

  • Celly Carvalho
  • Celly Carvalho
  • Celly Carvalho
  • Isabel Pinheiro
  • Isabel Pinheiro
  • Isabel Pinheiro
  • Celly Carvalho

    O Centro do Rio de Janeiro estava lindo com o povo manifestando pacificamente, até que chegaram os vândalos e acabaram com tudo…

  • Celly Carvalho

    O Centro do Rio de Janeiro estava lindo com o povo manifestando pacificamente, até que chegaram os vândalos e acabaram com tudo…

  • Celly Carvalho

    O Centro do Rio de Janeiro estava lindo com o povo manifestando pacificamente, até que chegaram os vândalos e acabaram com tudo…